• RF4.0 MKT - A sua Marca Digital!

    A construção de melhores resultados para sua empresa começa aqui!
  • Além de ser vista, sua empresa deve ser lembrada.

    Marketing

    Digital - rf4.0 mkt

  • Produza

    Vendas Reais

    Criação de Sites, SEO & Redes Sociais

Dicas para ter um Marketing Digital Eficiente

Sem planejamento, é difícil definir quais decisões devem ser tomadas para a empresa se destacar no mercado ou seja, não ser só mais uma no meio de muitas nas redes sociais, mas sim ter uma presença relevante. 

O que é plano de Marketing Digital?

Antes de mais nada é preciso entender o que é essa ferramenta. O plano de Marketing Digital nada mais é que o planejamento das ações de marketing no ambiente digital on-line.

Basicamente o plano para alcançar os objetivos da marca por meio de campanhas.

DEFINA SEU DIFERENCIAL

Uma boa estratégia de Marketing digital começa em definir o que você faz de melhor: seja produto, serviço ou atendimento, o seu público deve percebê-lo e valorizá-lo como uma vantagem de ser seu cliente.

O conteúdo deve ter embasamento e ser factível, a fim de trazer um diferencial competitivo para a sua empresa.

DEFINA SEU PÚBLICO-ALVO


Em Marketing digital quanto mais assertivo, melhor a sua relação, comunicação e divulgação com o cliente. A definição do público-alvo tem que ser clara e refinada.

Para que isso seja feito, é necessário saber onde estão, como se comunicam, onde buscam informação e como praticam seus hábitos de consumo.

Criar um relacionamento com seu consumidor é o ponto-chave para entender suas necessidades e desejos de consumo e, por fim, agregar à sua marca.

TENHA UMA BOA COMUNICAÇÃO E SEJA AUTÊNTICO


Uma empresa com visual padrão não se destaca no mercado, por isso, apresente autenticidade. O seu público-alvo, ao se deparar com uma publicação inovadora, irá automaticamente identificar a qual empresa pertence, antes mesmo de verificar quem a postou.

Portanto, de a abertura necessária para que o cliente se aproxime da marca mas, sem deixar de ser autentico. É preciso lembrar também que é necessário se conectar com a audiência, utilizando linguagens que seu público-alvo entenda.

Isso pode ser feito através das redes sociais de varias maneiras, como usar o humor em suas publicações, com algum ‘meme’ do momento ou assunto muito falado. Ou seja, é preciso compreender o público para saber se comunicar com ele.

– Mostre suas inspirações e história da empresa. Compartilhar suas histórias e inspirações pode trazer um sentimento de proximidade com aqueles que os acompanham. Isso faz com que os clientes entendam sua trajetória.

 Declare valores e crenças da sua empresa. Expor os valores, crenças e propósitos gera uma conexão com seu público-alvo.

– Compartilhe bastidores. Ao mostrar os bastidores, as pessoas podem ver quem está por trás da marca e conhecê-la melhor, o que traz a humanização do negócio.

FREQUÊNCIA NAS POSTAGENS
As postagens precisam ser feitas todos os dias nas redes sociais de sua empresa, em forma de stories e publicações no feed. Quanto mais você criar, mais será visto pela sua audiência e, portanto, lembrado, além de entender quais tipos de postagens funcionam com seu público ou não.

A dica é usar algum calendário de datas comemorativas para ajudar no planejamento.

CRIE CONTEÚDOS RELEVANTES


Entregar um conteúdo que seja relevante para sua audiência fará com que entendam o que sua marca faz, além de criar maior identificação com suas publicações, resultando no aumento de venda e engajamento. Tal ação ajuda a transformar parte da sua audiência em cliente. No entanto, é preciso lembrar que cada publicação deve ter um objetivo específico, como conversão para venda, fidelização, interação com o cliente, entre outros.

E como fazer isso?

– Não tenha um perfil vitrine. As postagens nas redes sociais não podem ser apenas sobre o produto que sua empresa vende, é necessário alternar com publicações de conteúdo para que sua audiência mantenha o interesse.

– Divulgue o seu diferencial. É importante que o público entenda por meio das postagens quais benefícios ele terá ao comprar com você e não com o concorrente.

– Construa autoridade. Divulgue conteúdos que mostrem que você entende do assunto tratado, como dicas a respeito do que você faz ou vende. Isso traz credibilidade para com o público.

Seja consistente. As postagens precisam ser feitas todos os dias nas redes sociais de sua empresa, em forma de stories e publicações no feed. Quanto mais você criar, mais será visto pela sua audiência e, portanto, lembrado, além de entender quais tipos de postagens funcionam com seu público ou não. A dica é usar algum calendário de datas comemorativas para ajudar no planejamento.

Acompanhe as tendências. Reels: chama atenção e é muito dinâmico pelo formato de vídeo, semelhante ao TikTok. Use áudios e pautas que estão em alta, por meio de pesquisas de outras contas no Instagram. Fale de um assunto que gere identificação com seu público-alvo e conte curiosidades sobre os temas em que sua conta se baseia.

O que Não se Mede, Não se Gerencia

Nossa última dica é um tanto quanto óbvia, mas essencial para um bom planejamento de Marketing Digital. Uma das etapas mais importantes antes de qualquer planejamento é mensurar resultados anteriores e ver como pode melhorá-los.

O Marketing Digital permite que tudo seja mensurado de forma mais simples e prática, existindo diversas ferramentas, que auxiliam nessa tarefa.

Assim, com resultados, fica mais fácil entender o que está funcionando e o que ainda é preciso mudar para alcançar os resultados.

Tente sempre registrar o planejamento e os dados coletados para que caso aconteça algo você tenha onde consultar e os demais envolvidos também consigam enxergar as etapas que estão sendo realizadas.

Lembre-se que você é humano e pode acontecer imprevistos que te obrigue a se ausentar, por isso é importante que todos entendam o que está sendo feito para que nessas situações o projeto possa continuar.

O Marketing Digital oferece muitas formas de alcançar resultados eficientes com um investimento relativamente baixo, Entretanto como qualquer outra ferramenta necessita de mão firmes e persistentes para utiliza-la. Logo se vc acredita que não terá tempo ou disciplina para fazer o devido planejamento ou executar as ações com disciplina e dedicação, sugerimos que procure um bom parceiro de negócio para compor seu time e assim conquistar as oportunidade que o Marketing digital pode lhe proporcionar.

Corrida pela Presença Digital, Transforma Relações entre Indústria e Varejistas

A pandemia acelerou a digitalização do varejo, provocando uma corrida pela presença digital por parte dos varejistas. Entretanto a Indústrial também se transformou.

Entre as ferramentas emergenciais para atrair o consumidor on-line, a demanda por plataformas de e-commerce e marketplaces decolou no país.

Alavancada pelos mais de 13 milhões de brasileiros que fizeram sua primeira compra on-line em 2020, dados da Ebit/Nielsen apontam que o e-commerce chegou à marca história de R$ 87 bilhões em vendas no Brasil, um salto de 41% em comparação ao volume de 2019.

Se sua empresa ainda não passa por um processo estruturado de transformação digital você pelo menos já ouviu o termo, assim como outras expressões, como indústria 4.0 e varejo 4.0.

A partir do momento em que o digital passou a ditar as regras do mercado, indústria e varejo se aproximaram ainda mais e, agora, ambos têm nos dados o principal pavimento para uma gestão eficiente dos negócios.

Antes acostumada a um relacionamento exclusivo com o varejo, a indústria se reinventou e está disposta a ir direto ao consumidor. Unilever, Nestlé, Kellogg’s e Coca-Cola são uma prova disso.

No entanto, o que parecia ser um relacionamento arruinado ganha um renovo a partir do momento em que os dois setores entendem as necessidades um do outro.

A indústria precisa ser mais assertiva no desenvolvimento de produtos, possivelmente usando dados do varejo que, por sua vez, precisa de agilidade e de um portfólio cada vez mais diversificado para atender aos vários perfis de consumidor.

Para atender ao aquecimento da demanda por marketplaces e atrair mais clientes, o setor tem antecipado evoluções tecnológicas.

A Linx aprimorou seu hub de marketplaces e conquistou o selo “Developer Partner Program” do Mercado Livre, líder em tecnologia e serviços financeiros na América Latina, que atesta os padrões de excelência exigidos pela plataforma para anúncio de produtos e controle de vendas.

Os varejistas estavam sobrecarregados, tentando se adaptar a essa nova dinâmica digital.

Por isso, trabalhamos nossa plataforma junto ao Mercado Livre para simplificar o processo de lançamento dos produtos, com ferramentas de acesso fácil para a publicação de itens, gerenciamento de pedidos, criação de catálogos, tabelas de medidas e central de promoções.

Comunicação Gera Eficiência

RF4.0 MKT Corrida pela Presença Digital, Transforma Relações entre Indústria e Varejistas COMUNICACAO-GERA-EFICIENCIA-RF40MKT.JPG-1024x576

   Na equação da colaboração entre indústria e varejo, a comunicação é fator determinante.

Estratégias eficientes para o desenvolvimento de marcas próprias e captação e interpretação de dados não significam nada se as empresas não comunicarem os principais achados de suas experiências.

   A Juntos Somos + é um grande exemplo de colaboração da indústria com o varejo. A companhia nasceu dentro da Votorantim e tem como sócias a Gerdau e a Tigre, além de parceiros como Santander e Linx.

   A comunicação clara do varejo é um dos caminhos para fortalecer o relacionamento da indústria com os clientes.

Com o ticket médio dos marketplaces subindo – de acordo com Ebit/Nielsen, a média em 2020 foi de R$ 493, 10% acima de 2019 –, a presença nessas plataformas se torna essencial para o varejista.

Em busca da melhor experiência on-line, o mesmo levantamento aponta que 90% dos consumidores afirmaram que a experiência foi boa ou ótima. “Anunciar os produtos em marketplaces pode ser difícil para o varejista de primeira viagem.

Por isso, é importante buscar soluções que simplifiquem o processo de anúncio, de publicação de fotos e, o mais importante, gestão pós-venda. Tudo isso impacta na atração e retenção do cliente.

Com os marketplaces como aliados, o varejista pode potencializar muito sua venda on-line.

“Tão Importante Quanto Adquirir Conhecimento é Multiplicar Conhecimento”

No último dia 26/04, nós da RF40 MKT DIGITAL tivermos o prazer de palestrar em um evento organizado pelo #Sebrae e a #FIA, que fazem partes de um projeto chamado Comércio Brasil, onde foi possível trazer um pouco da nossa experiência na construção de resultados com a gestão de redes sociais e o Google Adwords.

Foram duas horas de palestra, onde falamos sobre boas práticas, estratégia, calendário tático para postagens, campanhas segmentadas tendências para 2021 e muito mais! Graças ao novo formato do #googlemeat o evento online contou com a participação de 27 empresários de várias localidade dos país e até mesmo da Europa.

Mais uma vez agradecemos a oportunidade de ter feito parte desse evento e um agradecimento especial ao Agente de mercado Sérgio Zacarias por sua incansável dedicação, comprometimento e atendimento impecável que vem nos oferecendo através do projeto Comercio Brasil  

Sua Conta é uma das 533 Milhões que tiveram dados Vazados no Facebook?

Números de telefone, e-mails, endereços e outras informações ficaram vulneráveis em mão maliciosas. Mais uma vez o Facebook teve sua segurança quebrada e dados pessoais de 533 milhões de contas ficaram expostos na internet. Apesar de o estrago já estar feito, é importante saber se sua conta do Facebook está entre as que vazaram.

O site “Have I Been Pwned?” mapeia vulnerabilidades em redes sociais e avisa se suas informações foram vazadas. A plataforma foi atualizada com os dados dessa última leva do Facebook.

Para verificar é fácil, basta acessar o site e digitar todos os endereços de e-mail que você utiliza com a rede social. Tanto seu login quanto qualquer outra conta adicionada na plataforma. Após isso, o site vai te avisar se esses endereços estão entre os vulneráveis.

Depois, caso seja constatado alguma irregularidade, você vai receber, no e-mail que inseriu, uma mensagem orientando que suas senhas sejam trocadas. Pelo site também dá para saber se sua senha foi violada com a quebra de segurança.

Sua conta é uma das que vazaram no Facebook? RF4.0 MKT Sua Conta é uma das 533 Milhões que tiveram dados Vazados no Facebook? rf40mkt_dados_vazados_do_facebook.jpg

Mas o “Have I Been Pwned?” é seguro? Sim, o site é mantido por Troy Hunt, um dos diretores regionais da Microsoft na Austrália, especialista em segurança na internet.

Essa não é a primeira vez que isso acontece com a rede social de Mark Zuckerberg. Em 2019, um vazamento expôs milhares de telefones de usuários do Facebook. A plataforma garantiu na ocasião que a situação foi corrigida. Os dados disponíveis agora possuem relação com essa falha anterior.

Logo fica claro que uma situação dessas, pode acontecer com qualquer empresa e você não quer os dados financeiros, administrativos e estratégicos da sua empresa circulando por ai, certo? Então pensa duas vezes antes de não priorizar uma gestão de dados qualificada para sua empresa.

Pense nisso, o prejuízo pode ser muito maior do que você imagina,

RF4.0 MARKETING DIGITAL

Não limite o potencial do seu negócio!

O propósito da RF4.0 MKT é auxiliar o empreendedor Brasileiro e empresas de pequeno e médio porte á tornarem-se mais competitivas diante do cenário de constante transformação na rede mundial de computadores.

Uma Agência de Propaganda e Marketing completa que oferece serviços de Criação de SitesGestão de Redes SociaisMarketing Digital e Muito Mais!

Confra!


Nós transformamos suas ideias em realidade. A RF4.0 MKT produz seu site e cuida de suas redes sociais. Analisamos constantemente os resultados de nossos serviços para aumentar seus resultados. Conte com a RF4.0 MKT!

RF4.0 MKT oferece serviços completos de Marketing digital, como, Desenvolvimento de sites, consultoria e Gestão de Mídias Sociais, estratégias para um Branding de Marca Digital, análise SWOT da empresa no ambiente on-line, Planejamento de crescimento mensal para o seu negócio, Funil de Vendas, Gerenciamento e analises critíca do comportamento dos leads ( potenciais clientes), Engajamento dos leads em pontos de conversão, paginas de captura que convertem, Landing page promocionais, SEO, Hospedagem e Manutenção integral do site, Ajustes e atualização de imagens e artigos de interação, Gestão de Google Adwords, Gestão de campanhas e emissão de relatórios, Analise e sugestão de investimentos, Composição de palavras chave, Criação de Sites, Semântica e gerenciamento de perfis no MKT place.

Como e Porque Registrar sua Marca

A marca está entre os mais importantes patrimônios de uma empresa. Quando bem cuidada, pode gerar lucros constantes por meio de exploração direta ou indireta. É que ela é a principal ligação entre o negócio e o cliente; é, ainda, uma forma de identificação e diferenciação.

Proteja a sua marca

Registrar uma marca é a única forma de protegê-la legalmente de possíveis copiadores e da concorrência, além de ganhar espaço no mercado. Para isso, é preciso procurar o Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) e fazer o pedido, que será examinado de acordo com a Lei de Propriedade Industrial e demais resoluções administrativas do órgão.

A marca registrada garante ao proprietário o direito de uso exclusivo em todo o território nacional, que pode ser estendido para mais 137 países. Isso porque o Brasil é membro da Convenção da União de Paris de 1883 (CUP) em seu ramo de atividade econômica. Então, caso o produto ou o serviço inovador seja um sucesso, ao proteger a marca, o empreendedor terá assegurado legalmente o direito de explorar e usufruir os benefícios gerados por sua invenção.

Apesar dos custos envolvidos, o registro de marca é um investimento, e não uma despesa, pois essa ação refletirá no futuro fluxo de caixa da empresa.

Qualquer pessoa física ou jurídica que esteja exercendo atividade legalizada e efetiva pode requerer o registro de uma marca. Ele é concedido pelo INPI e tem a duração inicial de dez anos, prorrogáveis.

Apesar dos custos envolvidos, o registro de marca é um investimento, e não uma despesa, pois essa ação refletirá no futuro fluxo de caixa.

Pontos importantes

RF4.0 MKT Como e Porque Registrar sua Marca marca-rf40mkt-digital.jpeg

1. Consulte as marcas já registradas

Antes de pensar em sua marca e em seu registro, é importante fazer uma consulta ao Sistema de busca de marcas do INPI. Nele, descubra se já existe alguma marca com o nome ou o desenho que você pretende registrar. A prioridade para o registro é sempre da empresa que o solicitou primeiro, mesmo que o processo ainda não esteja concluído.

2. Defina o setor da sua marca

É importante que você saiba que uma mesma marca pode ser registrada para diferentes setores de atividade. É isso que permite, por exemplo, que possa existir um hotel, um cigarro e uma marca de eletrodomésticos com o mesmo nome. Conheça os setores em que as marcas podem ser registradas separadamente.

3. Conheça e defina a apresentação da sua marca

Antes de dar a entrada no pedido, você deve ter claro quais são os tipos de marca e em qual a sua se encaixa. Será apenas o nome comercial? Terá uma logomarca? É uma marca física (tridimensional)? É esse o momento de decidir definitivamente sua forma de apresentação.

4. Defina a natureza da sua marca

RF4.0 MKT Como e Porque Registrar sua Marca empreendedor-porque-registrar-sua-marca-1200x628-270x180-1

É importante também conhecer e estabelecer a classificação da sua marca: se ela é de um produto, um serviço, uma marca coletiva ou de certificação.

5. Veja quais são as taxas

Para fazer o registro de uma marca, é necessário pagar pelo menos duas taxas. Uma no momento da entrada do pedido e outra quando receber o registro. Se durante o processo for solicitada alguma outra ação, como a apresentação de documentos complementares, outras taxas podem ser solicitadas.

Acompanhamento

O processo de registro da marca é composto por várias etapas e dura em média dois anos. Nesse tempo, o INPI pode solicitar mais informações ou documentos, e o pedido é levado a público para oposição (se alguém se opõe ao registro da marca), os técnicos analisam e chega-se a uma conclusão: deferimento ou indeferimento. Você deve sempre acompanhá-lo fazendo uma busca pelo número do seu pedido na Revista de Propriedade Industrial (RPI), publicada semanalmente pelo INPI.

Exame formal

Após o pedido protocolado, o INPI fará um exame formal no pedido. Nessa fase, o órgão pode fazer exigências de documentação comprobatória ou outros documentos. É importante estar atento à RPI porque você tem apenas cinco dias para apresentar o que foi exigido. Se tudo estiver correto, a entidade publica o pedido de registro da marca e abre um prazo de 60 dias para que terceiros se manifestem contra o pedido.

Prazo para oposições

Se houver manifestação, você tem 60 dias para contestá-la. Após esse período o INPI faz um exame formal, pode exigir documentação tanto da sua parte ou da parte que apresentou a oposição, e decide pelo deferimento ou não do pedido.

Deferimento

Se não houver manifestações de oposição ou depois que o processo de oposição termine, o INPI julga procedente o registro da marca se não houver coincidências com outras marcas ou por haver suficientes formas que a distingam de outras já registradas. Você tem 60 dias para pagar as taxas de proteção dos primeiros dez anos da marca. Se não pagar, o processo é arquivado.

Enfim, marca registrada!

Após o pagamento, a marca é efetivamente registrada e você tem seus direitos de uso assegurados. A concessão é publicada e o registro da marca é emitido.

Indeferimento

Se o pedido foi indeferido, você pode apresentar recurso em um prazo de 60 dias, que será reavaliado pelos técnicos do INPI.

Natureza da marca

A natureza da marca pode ser classificada quanto ao domicílio do proprietário ou uso.

1. Natureza da marca quanto ao domicílio do proprietário:

Brasileira: aquela regularmente depositada no Brasil por pessoa domiciliada no país.

Estrangeira: aquela regularmente depositada no Brasil, mas por pessoa não domiciliada no país. Também pode ser aquela que, mesmo depositada regularmente em país vinculado a acordo ou tratado do qual o Brasil seja partícipe ou em organização internacional da qual o país faça parte, seja depositada no território nacional no prazo estipulado no respectivo acordo ou tratado, e cujo depósito contenha reivindicação de prioridade em relação à data do primeiro pedido.

2. Natureza da marca quanto ao uso:

De produtos ou serviços: aquela usada para distinguir um produto de outros idênticos, semelhantes ou afins, de origens diversas.

Coletiva: aquela usada para identificar produto ou serviço provindo de membros de uma determinada entidade.

De certificação: aquela que se destina a atestar a conformidade de um produto ou um serviço com determinadas normas ou especificações técnicas, notadamente quanto à qualidade, à natureza, ao material utilizado e à metodologia empregada.

Apresentação da marca

Quanto à apresentação, a marca pode ter quatro classificações:

Acompanhe texto na integra através

Saiba mais sobre esse tema e muitos outros assuntos pertinentes a você empreendedor brasileiro através do link https://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/

Pitch de Vendas! O que é? E como fazer o seu!

O mercado está cada dia mais concorrido, exigente, distraído e apressado, ou seja, você tem pouco tempo para chamar a atenção do seu futuro cliente. Por isso, é imprescindível saber VENDER.
.
pitch é uma breve apresentação para que novos negócios possam atrair a atenção de investidores e clientes.

O encontro em si não é uma reunião de negócios, mas o objetivo é que esse seja o primeiro passo para concretizar o investimento ou o negócio.

É um grande desafio para um empreendedor, em poucos minutos, se apresentar de forma clara, sucinta e atrativa.  .

Reunimos nesse artigo os princípios básicos e algumas estrategias para que você possa vender seu produto ou serviço. Porque pessoas só compram de quem elas confiam!

O significado de pitch de vendas começa por aí.

RF4.0 MKT Pitch de Vendas! O que é? E como fazer o seu! 636650204005092754630063png

“Pitch” vem de “elevator pitch”, uma espécie de “discurso de elevador” usado pelas startups do Vale do Silício para apresentar ideias para investidores.

Como essas apresentações precisavam ser curtas para não tomar o concorrido tempo desses executivos, também tinham que despertar o interesse e serem convincentes.

Tudo isso dentro do intervalo de tempo de uma corrida de elevador.

Parece loucura ou exagero de empreendedor empolgado em vender logo seu produto, mas foi assim que o famoso “pitch de elevador” foi adaptado para o mundo das vendas.

Um bom Pitch de vendas precisa ser:

Curto a ponto de durar o tempo de uma “corrida de elevador”.

Interessante para ajudar a resolver os problemas de quem está assistindo.

E convincente para ao ponto de gerar a confiança necessária para se converter em uma compra.

Nada pior que um pitch de vendas robotizado, parecendo decorado e com pouca espontaneidade. Isso desperta falta de confiança na outra parte.

Seja natural, passe segurança sem deixar de ser RÁPIDO, PRÁTICO E OBJETIVO.

Depois de entender o que é pitch de vendas, seu significado e a importância. Praticar é a melhor forma de confirmar se aprendemos de verdade.

1. Estude seu Público Alvo

O ponto de partida de um pitch de vendas matador é a conexão com o público alvo .

Para obter informações sobre seu público alvo, estude o conhecimento prévio de quem vai ouvir e o histórico dessas pessoas.

Pesquise sobre empresas que estarão presentes, quem são os tomadores de decisão histórico e realizações dessas organizações avalie ONDE e COMO seu negócio pode gerar valor para essas pessoas.

Evite suposições e não trabalhe com achismos.

É com base nos dados que coletar que o pitch de vendas começa a tomar forma.

2. Tenha uma Meta

Para seguir em frente, tenha em mente um objetivo que possa responder à seguinte pergunta: por que você quer criar um pitch?

Precisa funcionar como um foco para que a apresentação tenha um embasamento e propósito definidos.

Uma vez com essa resposta clara e objetiva enraizada em sua mente com certeza você vai desenvolver um Pitch de Vendas IMBATÍVEL.

Ter um objetivo claro é a melhor forma de fazer as pessoas entenderem exatamente o que você está buscando.

3. Não Tente só Vender, Ofereça Soluções

RF4.0 MKT Pitch de Vendas! O que é? E como fazer o seu! Imagem1

Partindo do princípio de que já conhece seu público e conhece as suas necessidades e expectativas, chegou a hora de gerar soluções que além de atender vão superar suas expectativas.

Procure adaptar as informações que vai apresentar para dar foco aos pontos mais estratégicos para esse público. Em outras palavras “Diga o que eles querem ouvir”

Foque em resolver as dificuldades do comprador e se mostre como um aliado para ajudá-lo a atingir os objetivos dele.

Lembre-se, não existir uma fórmula mágica para aprender como fazer um bom pitch de vendas, mas criar uma apresentação engessada está totalmente fora de cogitação.

O propósito do Pitch de vendas é se demonstrar conhecedor de sua proposta e estar preparado para qualquer situação e acima de tudo encantar seu público.

4. Objeções vão Acontecer

Por mais que as objeções apareçam, elas são algo natural e fazem parte do processo comercial. Lembrem-se “Você começa a VENDER a partir do primeiro não.

Respire fundo e prepare-se para enfrentar resistências como “preciso pensar” ou “só consigo tomar essa decisão futuramente”.

Em geral, as objeções acontecem pelas seguintes razões:

  • Muitas pessoas envolvidas no processo de decisão
  • Falta de dinheiro
  • Falta de confiança na oferta
  • O prospect ainda não se convenceu que precisa da solução.

Você precisa estar preparado para contornar cada uma delas se preparar ao máximo para superar.

Para convencer é preciso conhecer, logo você que precisa se dedicar em conversar e compreender o prospect.

5. Agora é a Hora de Encantar!

E agora é que vem o diferencial do seu produto/serviço do seu negócio ou melhor chegou a hora de VOCÊ fazer a diferença, entender o que falta para ENCANTAR de verdade seu futuro cliente. Selecione aqueles que você identificou as objeções mais fáceis de contornar e ganha a confiança do cliente, trazendo a solução definitiva para a sua objeção que muitas vezes ele ainda nem te falou mais você já identificou e solucionou a questão!

Além disso você ainda vai gerar o que em marketing chamamos de “prova social” que nada mais é que o testemunho real de um novo cliente que efetivamente COMPROU sua ideia. E que pode ser o empurrão que faltava para os demais se convencerem da proposta.

6. Aponte seus Benefícios, não Descreva Características

Seguindo na linha da dica anterior, tenho mais uma.

Para chamar a atenção do prospect que ainda está indeciso e fazer com que ele se convença e efetive a compra. Não dê ênfase às características mostre com exemplos reais o que a solução pode fazer pelo cliente.

Lembre-se de que VOCÊ deve dizer o que ele quer ouvir e isso significa?

“Como sua solução pode resolver os problemas dele”

7. Fechamento da Venda

Seu pitch de vendas terminou e você ficou com vergonha de perguntar ao cliente se ele quer comprar sua solução?

Acalme-se! Você está indo muito bem até aqui, não fique ansioso para não ficar arrependido. Continue focado, espere o momento certo para arrematar o negócio.

Veja só: 85% das interações entre vendedores e clientes terminam sem que o vendedor peça a venda, segundo um levantamento publicado no site da NASP (Associação de Profissionais de Vendas dos Estados Unidos).

Veja algumas dicas rápidas para não entrar para essa estatística:

  • Dê opções aos clientes, perguntando sobre a sua preferência
  • Evite usar palavras como “compre” e “preço” para não assustar
  • Seja criativo ao mostrar que entendeu como a proposta pode se encaixar à necessidade do cliente.

Agora vamos a alguns exemplos práticos novamente

“Certo. Notei que o investimento está dentro do seu orçamento e que pode trazer muitos benefícios para o seu negócio. Posso apresentar uma proposta de como colocar isso em prática?”

“Nossa empresa conta com mais de 10 soluções em Mkt digital, mas tomei a liberdade de selecionar 3 delas que tenho certeza que atenderão às suas necessidades.”

“Entendo a sua opinião a respeito e já conheci muitas empresas que passaram pela mesma experiência. Mas existe uma solução para reverter essa situação.”

O que Aprendemos Juntos!

RF4.0 MKT Pitch de Vendas! O que é? E como fazer o seu! Imagem3

Neste artigo, aprendemos que somente com a prática podemos dizer que entendemos e aprendemos alguma coisa. Não estamos mais na escola onde precisávamos apenas decorar fórmulas ou datas para passar em uma prova. Cada pitch de vendas é uma final de copa do mundo ou seja vale tudo ou nada. Ou seja não decorando uma apresentação que você vai conseguir o tão esperado fechamento, mas sim Dominando o assunto sendo conhecedor pleno e absoluto do que está falando e vendendo.

Como você viu, não existe uma solução mágica para criar o pitch ideal . O fundamental é colocar o cliente no foco da conversa para que o discurso se torne realmente interessante e convincente.

Quanto mais você treinar, errar, corrigir e continuar melhor você vai ficar!

Gostou do nosso artigo ?

Então acompanhe nossos posts e fique atendo as novidades em nossas redes sociais!

Atendimento ao Cliente pelo WhatsApp

Com o surgimento das mensagens instantâneas, cada vez mais as pessoas evitam falar ao telefone, dando preferência aos prestadores de serviço que realizam atendimento pelo WhatsApp.

Não basta apenas ter um telefone, um perfil cadastrado no aplicativo de mensagens e divulgar o seu número.

Por isso, separamos aqui algumas estratégias que podem ser aplicadas para te ajudar a conquistar mais clientes!

TENHA UM PERFIL PROFISSIONAL

O WhatsApp é uma ferramenta que utilizamos para nos comunicar com nossos amigos e familiares e, por isso, é comum colocarmos fotos mais descontraídas no perfil, como em uma praia, festa etc.

No entanto, quando o aplicativo também é usado para entrar em contato com clientes, é fundamental tomar cuidado para não expormos demais nossas vidas pessoais.

O indicado é colocar imagens que transmitam a ideia de profissionalismo. Para isso, vista sua melhor camisa e peça para que alguém tire uma foto para você.

Além de demonstrar seriedade no trabalho, isso passa mais confiança para quem deseja contratá-lo.

TOME CUIDADO COM AS MENSAGENS DE TEXTO

RF4.0 MKT Atendimento ao Cliente pelo WhatsApp whatsapp-AUDIOS-1024x576

Se você não puder ter um número exclusivo, é melhor tomar cuidado com as mensagens e sempre conferir o destinatário antes de clicar em “enviar”.

Ao mandar mensagens indevidas, além de manchar a sua reputação, você pode acabar causando um grande desconforto entre vocês.

Mas não é só isso! Também é importante tomar cuidado para não passar a impressão errada e parecer uma pessoa grosseira com o cliente.

Busque ser sempre bem-educado e informe apenas o que é necessário — nada de blocos de texto muito longos.

EVITE ÁUDIOS LONGOS

Em alguns momentos, pode ser que você precise dizer algo que, se fosse para ser digitado, demoraria muito tempo e não tornaria a comunicação prática.

No entanto, enviar mensagens de voz muito extensas também pode ser um pesadelo para quem está ouvindo.

Então, tente dividir as informações em diferentes áudios — o ideal é que eles não passem de 1 minuto.

ENVIE MENSAGENS SOMENTE QUEM AUTORIZOU

Ainda não é todo mundo que gosta de ser chamado no WhatsApp quando o assunto é trabalho.

Por isso, antes de se comunicar com o cliente pelo aplicativo, não se esqueça de pedir a autorização para que a comunicação seja feita por ali.

Além de ser a atitude de um bom profissional, isso também demonstra que você respeita a privacidade do outro.

RESPONDA AS MENSAGENS COM AGILIDADE

RF4.0 MKT Atendimento ao Cliente pelo WhatsApp HHHHHHHHHHHHHHHAAA-1024x676

Imagine que você tenha mandado uma mensagem para alguém, e a pessoa demora horas para responder — bem frustrante, não é mesmo?

Confira sempre se há notificações de mensagens em seu smartphone ou, se preferir, determine horários de atendimento ao cliente (e não deixe de informá-los desse horário, é claro).

Para facilitar, você pode utilizar o status do WhatsApp para informar os períodos em que estará online, por exemplo.

APROVEITE OS RECURSOS DO APP

O WhatsApp oferece uma série de ações que podem ser usadas a seu favor.

Você pode, por exemplo, usar a chamada de vídeo para mostrar para um cliente como andam as atividades na obra.

Enfim, as inovações tecnológicas nos oferecem diversas facilidades para o dia a dia, e o atendimento pelo WhatsApp é uma delas.

Com ele, você se coloca a frente dos concorrentes, já que fica mais acessível para entrar em contato com os clientes.

Como utilizar confirmação em duas etapas

A  Confirmação em duas etapas é um recurso fundamental para ampliar a segurança nas negociações e possíveis transações econômicas funciona como uma camada extra de segurança para sua conta.

Com a confirmação em duas etapas ativada, você precisará digitar o PIN de seis dígitos todas as vezes que quiser confirmar seu número no WhatsApp.

Para ativar a confirmação em duas etapas, no WhatsApp abra: Configurações (Android) / Ajustes (iOS) > Conta > Confirmação em duas etapas > ATIVAR.

Ao ativar esse recurso, você poderá inserir seu endereço de e-mail.

Caso você esqueça seu PIN de seis dígitos, o WhatsApp enviará um link a esse e-mail para desativar a confirmação em duas etapas. Isso também ajudará você a proteger sua conta.

Como nós não verificamos esse e-mail para confirmar sua autenticidade, recomendamos que você forneça um endereço de e-mail autêntico para reduzir o risco de ficar sem acesso à sua conta, caso você esqueça seu PIN.

Importante: se você receber um e-mail para desativar a confirmação em duas etapas sem tê-lo solicitado, não clique no link.

Outra pessoa pode estar tentando confirmar seu número de telefone no WhatsApp.

Como receber pagamento pelo WhatsApp

WhastApp no ultimo 15/06 lança no Brasil a funcionalidade para receber e enviar pagamentos diretamente pelo aplicativo.

Trata-se do envio e recebimento de dinheiro sem sair do aplicativo, tudo baseado na plataforma Facebook Pay.

No primeiro momento só será possível enviar dinheiro quem for cliente do Banco do Brasil, Sicredi e Nubank, via cartão de crédito e débito das bandeiras Visa e Mastercard. 

A funcionalidade será liberada aos poucos para os usuários do aplicativo e, por isso, talvez não apareça imediatamente no seu aplicativo.

É uma funcionalidade que estará disponível tanto no WhatsApp quanto no WhatsApp Business, que aliada ao cadastramento de produtos/serviços no catálogo da sua empresa, poderá facilitar muito o processo de venda e cobrança.

Como se cadastrar para enviar ou receber dinheiro no Whatsapp?

Assista o vídeo:

Como enviar dinheiro no Whats

Assista o vídeo:

Então, aproveite o máximo possível essa ferramenta!

Gostou desse artigo ? Então acompanhe nossas redes sociais e fique ligado nas novas dicas

Fontes para o artigo Sebrae e whatsApp Brasil

Ações de Marketing Digital para Você Empreendedor Enfrentar a Crise do Coronavírus

Se a internet já era importante para os negócios, hoje ela virou a única alternativa para muitos deles. Conectar-se aos clientes é mais importante do que nunca – e o marketing digital pode ajudar nesse processo.

RF4.0 MKT Ações de Marketing Digital para Você Empreendedor Enfrentar a Crise do Coronavírus estratégia-de-marketing-digital

1. Invista em Presença Digital
Antes de pensar em estratégias digitais, avalie a maturidade atual da sua empresa na internet. Se ela já está nas principais redes sociais, mas não tem um site, este é um bom momento para dar esse novo passo. Além de evitar sair, as pessoas estão mais conectadas do que antes.

2. Fique Próximo do seu Cliente
Conhecer seus clientes e seguidores é essencial para definir qualquer estratégia. Isso envolve desde mapear as redes sociais que eles mais usam até conhecer seus hábitos e preferências. Entretanto nesse momento mais do que nunca fique próximo de seus clientes, faça contato diariamente multiplique boas praticas noticias importantes que podem ajuda-los enfim faça-se presente de forma prestativa

3. Ofereça Conteúdos de Valor
Um dos pilares do marketing digital é oferecer conteúdo aos clientes sem a intenção de venda imediata, apostando na construção de um relacionamento que, depois, poderá trazer frutos. 

RF4.0 MKT Ações de Marketing Digital para Você Empreendedor Enfrentar a Crise do Coronavírus empresas-adotam-home-office-em-resposta-ao-coronavirus-1024x576

4. Invista na geração de Leads
Definição de Leads: pessoas (ou empresas) que entraram em contato com sua empresa e têm potencial para se tornarem clientes. Mesmo que eles não fechem negócio agora, ter essa base de pessoas pode gerar resultados no médio e longo prazo.

5. Considere investir em anúncios online
A construção de relacionamento a longo prazo é importante, mas nesse momento as estratégias de curto prazo ajudam a ganhar fôlego. Uma das possibilidades é investir em anúncios em plataformas online, como o Google e as próprias redes sociais.

Só colocá-los no ar, porém, não é Garantia resultados. “Não adianta colocar anúncios se você não estiver medindo os resultados e não souber o quanto eles refletem em vendas.

6º Influenciadores

Todos sabemos que a melhor propaganda é o boca á boca e os influenciadores podem ser um divisor de águas nessa estratégia. Mas não pense que influenciadores são algo fora do comum para o pequeno e até o micro empreendedor.

Muitos trabalham com permuta de produtos e serviços o que precisa ser avaliado se o influenciador contratado vai atingir o seu público alvo.

7º Defina Objetivos

Para que os anúncios, a comunicação ou qualquer outra estratégia dê certo, é preciso antes ter definido bem os seus objetivos. “Aquela máxima de que se você não sabe para onde ir, qualquer caminho serve, análise de dados é especialmente útil nessa hora, ajudando a definir os pontos fortes e fracos e a mapear as próximas decisões.

A urgência de evitar a disseminação do coronavírus pelo mundo fez com que ele se tornasse pauta em todos os lugares, da internet à televisão. Com o tempo, a tendência é que haja uma saturação. “Todos já vão começar a tentar viver uma vida normal”. Este, diz ele, será o momento com mais oportunidades para o digital. Vai ter mais gente online e muito do que elas fariam fora de casa vão fazer dentro.

Gostou do artigo e saber mais sobre as tendências de marketing digital ? Acompanhe nossos perfis no instagram https://www.instagram.com/rf4.0mkt/ no Facebook https://www.facebook.com/RF4.0MKTDIGITAL/ Linkedin https://www.linkedin.com/company/11690717

Pandemia Domina Buscas na internet

Com a pandemia do novo coronavírus se desenvolvendo com rapidez, ganha velocidade também o interesse dos cidadãos por entender melhor esse fenômeno e acompanhar as respostas a ele.

RF4.0 MKT Pandemia Domina Buscas na internet All-future-Google-Chrome-updates-have-been-suspended-worldwide-due

De acordo com dados repassados à Agência Brasil, os assuntos mais pesquisados no mecanismo Google nos últimos dias são informações sobre o novo coronavírus e formas de prevenção, as mudanças nos estabelecimentos comerciais e as alterações nas fronteiras do país e de divisas das unidades da federação.

As principais perguntas envolvendo o tema nesta sexta-feira (20), de acordo com levantamento interno do Google, foram:

O que é coronavírus?

De onde surgiu o coronavírus?

Quando surgiu o coronavírus?

O que é coriza?

O que é Pandemia?

RF4.0 MKT Pandemia Domina Buscas na internet 20200320062922_1200_675_-_coronavirus_brasil_arte-1024x576

Fronteiras

A busca por fronteiras atingiu seu maior ápice nos últimos cinco anos. Nesta semana o governo federal anunciou que fecharia as fronteiras terrestres em relação a todos os países da América do Sul, à exceção do Uruguai. Em relação a este último, os Executivos dos dois países ainda discutem uma solução comum.

Também foi anunciada a restrição da entrada de pessoas de países afetados pelo coronavírus por via aérea.

Fica impedida a chegada de passageiros estrangeiros vindos da China, de países-membros da União Europeia, da Islândia, da Noruega, da Suíça, do Reino Unido e da Irlanda do Norte, da Austrália, do Japão, da Malásia e da Coreia do Sul. A decisão não incluiu os Estados Unidos, país com maior número de casos na América do Norte.

Governos estaduais anunciaram o fechamento de divisas e de aeroportos. Foi o caso do Rio de Janeiro, que suspendeu a entrada de passageiros de voos internacionais e vindos de estados com situação de emergência decretada.

Na sexta-feira (20) o Ministério da Infraestrutura divulgou nota afirmando que não há orientação para fechar portos e aeroportos, o que foi seguido por agências regulatórias, como a de aviação civil (ANAC) e a de transportes aquaviários (Antaq).

O que ABRE e o que FECHA

RF4.0 MKT Pandemia Domina Buscas na internet acao-cautelar-garante-comercio-e-supermercados-fechados-neste-feriado

Outro tema de bastante interesse entre os internautas é quais estabelecimentos foram obrigados a fechar e quais ficam abertos. Em parte das unidades da federação, governadores decidiram restringir lojas, centros de compra (como shoppings e feiras) e espaços de entretenimento, mantendo abertos supermercados, farmácias e restaurantes.

No Distrito Federal, por exemplo, o governo local determinou o fechamento do comércio, academias, bares e casas noturnas até o dia 5 de abril. O governo do Rio de Janeiro determinou o fechamento de teatros e cinemas.

Outros governos estaduais também adotaram essa providência, como Paraná e Goiás. No primeiro caso, o decreto do governador Ratinho Júnior focou em shoppings, galerias, academias e congêneres.

O governador goiano Ronaldo Caiado decretou limitação semelhante, abarcando comércios e espaços de lazer, como bares, boates, teatros e cinemas.

O governador de São Paulo, João Dória, anunciou o fechamento do que chamou de serviços públicos não essenciais do estado, como zoológico, unidades de conservação e parques. Diversas repartições funcionarão com atendimento virtual.

Dória recomendou a suspensão das atividades de shoppings e academias na região central do estado. O prefeito da capital paulista, Bruno Covas, também decidiu pelo fechamento de comércios. O governador do Ceará, Camilo Santana, determinou a suspensão de indústrias, comércios, bares, restaurantes e do transporte intermunicipal, além de colocar barreiras nas divisas do estado.

O que Fazer em Casa

O levantamento do Google também verificou uma grande procura por formas de passar o tempo em casa.

Em cada cidade ou estado, atividades vêm sendo oferecidas, inclusive de graça. Instituições de ensino ofertaram cursos à distância, como a Fundação Getúlio Vargas ou a Universidade de São Paulo.

Profissionais liberais utilizam seus perfis nas redes sociais para disponibilizar cursos, orientações acerca de atividades, como exercícios ou brincadeiras para crianças.

Artistas vêm promovendo shows a distância, como a cantora carioca Tereza Cristina e ou o cantor Leoni. Até mesmo um festival foi transmitido pela Internet, o #tamojunto, organizado pelo jornal O Globo. O selo Biscoito Fino vai veicular shows diversos gravados em DVD.

Acesse o link e confira atualizações em tempo real https://www.covidvisualizer.com/

O que é Marketing Digital e porque é importante para sua empresa !

O verdadeiro significado do marketing digital está no uso conjunto de todas as ferramentas on-line disponíveis.

Não basta desenvolver sites ou gerenciar canais sociais.O verdadeiro significado do marketing digital está no uso conjunto de todas as ferramentas on-line disponíveis, na abordagem omnichannel, nas novas tecnologias e na análise dos dados dos clientes.A transformação digital é acima de tudo organizacional: é assim que o Click pode orientar a empresa para o cliente e obter resultados bem-sucedidos.

Ainda hoje, para muitos gerentes e empreendedores de marketing, marketing digital ou marketing na Web, significa simplesmente gerenciar o site da empresa ou a página do Facebook. É uma visão simplista e desatualizada.

Sem necessariamente adquirir as tecnologias mais sofisticadas disponíveis no mercado, toda empresa pode obter muitas vantagens do Marketing Digital, o que é realmente essencial para o crescimento, porque os caminhos de compra (jornadas do cliente)estão agora amplamente na Internet, e isso isso acontece em todos os mercados, consumidores ou B2B (business-to-business).

RF4.0 MKT O que é Marketing Digital e porque é importante para sua empresa ! mkt-marketing-digital-rf40-e1541775828246

O marketing se tornou um elemento fundamental para a transformação digital, a principal ferramenta para aumentar as vendas on line e também na loja, além de aumentar o reconhecimento da marca. É importante esclarecer o que é.

Os 5 pilares para fazer Marketing Digital

RF4.0 MKT O que é Marketing Digital e porque é importante para sua empresa ! blog_explay-1024x684

Por fim, o marketing digital consiste em criar relacionamentos efetivos entre consumidores e empresas, não apenas para alcançá-los e convencê-los, mas também para ouvi-los e aprender com eles, respondendo a comentários e solicitações. Isso ocorre através de diferentes métodos, que podem ser resumidos em 5 elementos principais:

1º Dispositivo digital.

Para interagir, os usuários usam smartphones, tablets, PCs, TVs, para acessar sites e aplicativos

2º Plataforma digital.

A maioria das interações ocorre por meio de um navegador ou aplicativo que pode ser acessado nas plataformas e serviços mais conhecidos: Facebook e Instagram, Google e Youtube, Twitter e Linkedin.

Mídia digital.

Você pode usar diferentes canais, corporativos ou pagos, para alcançar e envolver os clientes, com publicidade, e-mails e mensagens, mecanismos de pesquisa e redes sociais.

Dados Digitais.

A coleta e análise de dados é fundamental e complexa, também devido à necessidade de cumprir os regulamentos de proteção de dados e, em particular, o RGPD que entrou em vigor na Europa este ano. Para esta atividade crucial, as tecnologias para DMP (Data Management Platform) são cada vez mais usadas.

Tecnologia digital

O último e fundamental elemento é o das tecnologias de marketing ( martech ) que facilitam a criação de experiências interativas de sites e aplicativos e ajudam a segmentar o público, criar campanhas direcionadas e aumentar as taxas de conversão. 

Como você pode ver, é uma abordagem de 360 ​​graus, que tem como objetivo a melhoria da experiência do cliente e o desenvolvimento de relacionamentos em um contexto multicanal, indo além da mera promoção de produtos e serviços.

Antes de iniciar uma estratégia, é importante realizar uma análise do contexto de referência e das tendências do mercado, usando ferramentas de inteligência de marketing.

De fato, parece que as empresas com os maiores desempenhos de crescimento são aquelas que implementaram estratégias de uma maneira abrangente para extrair, analisar e controlar dados de clientes, com o Marketing orientado a dados. Os CMOs contribuem paramodelar a arquitetura de dados e otimizar a segmentação, segmentação, personalização e agilidade.

As informações sobre os clientes não são usadas apenas para tomar decisões de marketing, mas influenciam as decisões de negócios mais estratégicas, aumentando o papel dos profissionais de marketing nas empresas. CMOs e, com eles, especialistas em marketing digital portanto, têm a tarefa de fazer ouvir as vozes dos clientes em toda a empresa e de criar um tecido conectivo entre as várias unidades de negócios para tornar a organização realmente centrada no cliente,um conceito que certamente não é novo, mas poucos conseguem gerenciar realmente se materializar.

Gostou desse artigo ? Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das atualizações e novidades sobre MKT Digital.

Vídeos para redes sociais

Os vídeos mkt estão cada vez mais presentes na internet e a tendência é que se tornem ainda mais populares.

Por isso, investir em vídeos para as redes sociais é fundamental.

Nesse cenário de grande expansão, o Vídeo Marketing revolucionou a comunicação entre os consumidores e as marcas. Mais atraentes e fáceis de serem consumidos, os vídeos ajudam a atrair novos leads e convertê-los em vendas.

Sua empresa não pode ficar de fora dessa estratégia.

Mas para que o sucesso seja garantido, é preciso saber quais são as melhores práticas na hora de criar vídeos para as redes sociais.

Ficou curioso? Então continue a leitura.

Por que os vídeos são a nova tendência nas redes sociais?

RF4.0 MKT Vídeos para redes sociais iStock-940823772

Muitas empresas ainda buscam a fórmula perfeita para atrair e engajar os clientes nas redes sociais

E como 1 minuto de vídeo se equivale a 1.8 milhões de palavras, as produções vídeos têm ganhado cada vez mais espaço.

Investir na produção de vídeos para as redes sociais possui diversas vantagens em relação a outros tipos de conteúdo.

1. Vídeos têm conteúdo mais prático e direto

Pare por um momento e responda:

Você prefere ler um artigo extenso ou assistir a um vídeo sobre o mesmo tema de 2 ou 3 minutos?

Com a correria do dia a dia, a maioria das pessoas não está disposta a ler muitas linhas de texto em seus feeds e acaba optando pela segunda opção.

E há uma razão simples para isso: os conteúdos vídeos são mais práticos e diretos.

Através de vídeos, sua marca é capaz de transmitir informações para a sua audiência de maneira muito mais objetiva do que em um texto com dezenas de linhas. E ainda ajuda a criar uma relação mais próxima com os consumidores. E também permite mostrar os seus produtos e serviços em ação.

2. Vídeos se adaptam a todos os formatos

Smartphones e tablets estão cada vez mais populares e já são responsáveis por grande parte dos acessos à internet.

De acordo com a Cetic.br, 61% dos entrevistados acessam a web a partir de dispositivos móveis.

E a tendência é que esses aparelhos superem o uso de computadores e notebooks.

Por isso, na hora de produzir um conteúdo, as companhias precisam ter em mente que ele será acessado a partir de diferentes aparelhos.

E os vídeos para as redes sociais surgem como a grande tendência do Marketing de Conteúdo.

Afinal, eles são flexíveis e se adaptam a todos os formatos de telas e dispositivos.

Assim, são maiores as chances dele alcançar um grande número de visualizações.

3. Vídeos são mais atrativos

O feed de qualquer rede social é um verdadeiro campo de batalha e a sua empresa precisa lutar para atrair e conquistar a atenção dos usuários.

São milhares de postagens com textos e imagens que acabam distraindo os seus seguidores.

Logo, é muito importante investir na produção de conteúdos de qualidade e que atraiam o interesse do público.

E os vídeos desempenham um papel fundamental nessa estratégia, já que permitem chamar a atenção dos fãs, ao mesmo tempo que transmite informações claras e objetivas.

4. Vídeos têm apelo visual

O velho ditado de que “uma imagem vale mais do que mil palavras” é ainda mais verdadeiro nas redes sociais

Basta ver o sucesso de serviços como Instagram e Snapchat, que atraem milhões de jovens no mundo inteiro.

Apelar para a questão visual na estratégia de marketing ajuda a criar uma imagem mais positiva da marca, além de estimular o engajamento entre os seguidores.

Como os internautas preferem conteúdos audiovisuais a textos, são maiores as chances de a sua mensagem ser transmitida e compartilhada.

Dicas de vídeos para as redes sociais

Cada rede social é diferente entre si, funcionando com uma lógica única. Postagens que fazem sucesso no Facebook podem não ser populares no Twitter ou no Instagram, por exemplo.

O perfil dos usuários, as ferramentas disponíveis, os dispositivos utilizados para acessar os serviços, tudo isso influencia no tipo de conteúdo ideal em cada uma delas.

Por isso mesmo, na hora de produzir vídeos para as redes sociais, o ideal é levar em conta as particularidades de cada rede, fazendo as adaptações necessárias, caso contrário as suas ações podem perder efetividade.

Facebook/Instagram

RF4.0 MKT Vídeos para redes sociais rf4.0-mkt-redes-sociais.jpg

O Facebook conta com mais de 2 bilhões de usuários ativos. E o Brasil é o terceiro país com mais inscritos, em um total de 100 milhões.

Portanto, não é de se espantar que o consumo de vídeos no Facebook esteja em expansão.

Todos os dias, mais de 3 bilhões de vídeos são assistidos nessa plataforma. Somente os brasileiros consomem, em média, 15 vídeos por dia no site.

E publicações com vídeos são capazes de gerar mais engajamento entre os usuários dessa rede social.

De acordo com dados da Shutterstock, quando alguém navega pelo feed do Facebook, está 2 vezes mais propenso a assistir a um vídeo do que clicar em um link que contenha apenas texto.

Mas para ter sucesso na hora de divulgar seus conteúdos no Facebook, algumas práticas devem ser observadas:

  • Aproximadamente 85% de todos os vídeos no Facebook são assistidos completamente sem som.
  • Por isso, é muito importante que a sua mensagem seja compreendida mesmo no mute.
  • Abuse de recursos como títulos, descrições e legendas na hora de produzir os seus conteúdos.
  • Os usuários de redes sociais preferem conteúdos dinâmicos, fáceis e rápidos de serem consumidos e no Facebook isso não é diferente.
  • Dessa forma, materiais curtos e didáticos têm mais chances de atrair a atenção dos usuários.
  • Conteúdos mais simples, ao estilo faça você mesmo, também muito populares.
  • Aposte em vídeos bem-humorados e que despertem emoções na audiência.
  • Outra -sugestão é publicar fragmentos de vídeos publicados em outras plataformas, como teasers, para instigar quem está assistindo a acessar o restante do conteúdo.

O Instagram se tornou uma das melhores plataformas de divulgação de vídeos.

A rede social dá cada vez mais relevância para conteúdos audiovisuais, que geram o dobro de engajamento das tradicionais fotos e estão sendo cada vez mais utilizados pelas marcas.

Na hora de planejar a produção de vídeos para o Instagram, algumas dicas podem ajudar a alcançar os resultados esperados:

  • No Instagram, o tempo máximo de duração dos vídeos é de apenas 1 minuto.
  • Por isso, procure criar conteúdos mais curtos e que consigam ser relevantes logo nos primeiros segundos.
  • E assim como no Facebook, muitos dos vídeos são reproduzidos sem som, sendo essencial criar materiais capazes de serem compreendidos sem a ajuda do áudio.
  • Procure sempre caprichar no visual de suas produções, com imagens de qualidade e esteticamente bonitas.
  • É preciso atrair a atenção dos usuários.
  • Use hashtags com inteligência e escolha apenas os termos relacionados com o assunto do seu vídeo.
  • É através dessa ferramenta que os internautas encontrarão o seu conteúdo entre os resultados de busca.
  • Instagram Stories é opção muito interessante na hora de publicar vídeos na plataforma.
  • Com conteúdos de até 15 segundos, a ferramenta já alcança mais visualizações do que a linha do tempo principal.

Nesse texto colocamos algumas das estratégias que podem ser muito uteis na construção de um perfil profissional em redes sociais para o seu negócio. Entretanto o que deve ficar bem claro é que antes de mais nada você utilize ferramentas como vídeos e redes sociais de forma a encantar o seu público alvo e com isso trazer oportunidades efetivas de bons negócios para os mais diversos segmentos.

Se você gostou desse artigo deixe seu comentário e acompanhe nossas redes sociais onde frequentemente damos dicas de como atrair converter e encantar seus cliente através da internet.

MARKETING DIGITAL PARA AUMENTAR SUAS VENDAS DE BOLOS E DOCES GOURMET

Vender  bolos pode parecer uma ideia bastante simples de negócio.

Porem essa, sem dúvidas, é uma das escolhas mais certeiras que um empreendedor pode fazer, afinal, quem é que não gosta de um bolo a qualquer hora do dia?

No entanto, apesar de parecer algo simples, é importante compreender que há estratégias que devem ser usadas para aumentar a venda dos produtos.

Seja para comemorar um dia especial, para uma sobremesa após as refeições ou, até, para presentear alguém, o bolo é sempre bem-vindo.

E a boa notícia é que o setor alimentício é um dos que menos sofre durante as crises econômicas!

Sabendo de tanta vantagem, você certamente pensou:

Vou abrir o meu negócio para vender bolos agora mesmo.

Mas vamos devagar, antes de qualquer iniciativa, confira algumas estratégias essenciais para que você não tome prejuízos.

Planejamento

O planejamento é o primeiro passo em direção ao sucesso.

Resultados satisfatórios não vão surgir sem uma boa preparação preliminar.

Então, lembre-se de que essa etapa é primordial e indispensável.

É preciso planejar quais serão todos os seus próximos passos:

Qual será o seu investimento inicial?

O que você deseja alcançar com o negócio?

Deseja expandir futuramente?

Quais vão ser as suas medidas de controle de custos?

Quais serão as suas metas mensais e anuais?

E quais serão os seus objetivos a longo prazo?

Todos esses detalhes precisam ser muito bem pensados e arquivados, o que pode ser feito em uma planilha mesmo.

O importante é ter controle de tudo aquilo que você vai precisar para dar um gás ao seu negócio.

Investimento

Mesmo que você pretenda trabalhar em casa, é necessário investir em ingredientes e materiais para vender os bolos.

Lembrando ainda que a cozinha precisa ter um tamanho razoável, com espaço adequado para o armazenamento dos produtos e para o preparo das receitas.

Além disso, você também vai precisar de fogão, geladeira e de utensílios, como tigelas e batedeira.

Uma dica é procurar na Internet por sites ou vídeos que ensinem a fazer bolos, a fim de entender quais equipamentos essa tarefa requer.

Caso ainda não possua os utensílios necessários, você vai precisar de recursos para adquiri-los.

Então faça o cálculo e analise se isso é possível!

Não deixe, também, de selecionar as receitas e de calcular o valor dos ingredientes.

Há aquelas que são mais em conta que outras, por isso é interessante ponderar no momento de montar o seu cardápio.

Diferencial da embalagem

Todos aqueles que têm um negócio de confeitaria precisam compreender a importância de atentar para os diversos tipos de embalagem para bolo que se encontram disponíveis no mercado.

Considerando as várias opções de doces, os bolos se encontram entre as mais frágeis e podem se despedaçar facilmente, dependendo da receita.

É por esse motivo que as embalagens precisam ser escolhidas cuidadosamente, tanto para a exposição em balcões de confeitarias e panificadoras quanto para entrega em domicílio.

RF4.0 MKT MARKETING DIGITAL PARA AUMENTAR SUAS VENDAS DE BOLOS E DOCES GOURMET BOLOS-2

Seleção das receitas

Você pode fazer bolos tradicionais, como de milho, fubá, maçã com canela, limão ou o clássico cenoura com chocolate.

Suas receitas são bastante simples, com baixo custo e grande procura no dia a dia.

É possível investir em sabores mais trabalhados, com diferentes coberturas e recheios com combinações e apresentação diferenciada  

Esses bolos geralmente são procurados para eventos como despedidas, casamentos, aniversários e, geralmente, custam mais caro.

Bolos de Leite Ninho e de Kit Kat, por exemplo, são excelentes ideias bastante atuais.

Portanto, defina com quais receitas você vai trabalhar e deixe isso bem claro para seus clientes.

Quando for divulgar on line ou distribuir panfletos, apresente logo todas as opções e preços.

Flexibilidade também chama a atenção do público.

Uma boa dica é permitir que montem o bolo da forma como preferirem. Disponibilize, por exemplo, cinco opções de massa e três de cobertura. Quem decide a combinação é o cliente.

Dinâmica inovadora

Não deixe de explorar segmentos de mercado que não foram trabalhados ainda e busque ampliar as suas possibilidades para além de amigos e familiares.

Defina o conceito do seu produto e procure o nicho de mercado onde ele será bem aceito.

Uma dica bastante útil é apresentar os bolos para empresas de treinamento e grandes escritórios, como opção de coffee break!

Marketing digital e promoções

E, é claro, não poderíamos deixar de falar sobre a importância da divulgação.

RF4.0 MKT MARKETING DIGITAL PARA AUMENTAR SUAS VENDAS DE BOLOS E DOCES GOURMET mensagem-certa

A internet é um presente para os negócios. Fazendo uso de ferramentas adequadas, você consegue divulgar os seus produtos de forma eficaz, alcançando pessoas e empresas que jamais havia imaginado.

O segredo é trabalhar de maneira bastante diferenciada, consistente e profissional, já que a concorrência no meio virtual é extremamente significativa.

E necessário um bom gerenciamento das contas nas redes sociais, investir em um website com funcionalidade que podem valorizar a exposição de seus bolos.

Lembre-se de que fazer promoções atraentes também é indispensável para aumentar as vendas.

A dica mais importante e que serve para qualquer negócio é:

Persista!

A ansiedade de obter resultados rápidos pode fazer com que novos investidores desistam precipitadamente do empreendimento.

É preciso ter foco e, sobretudo, acreditar no potencial do produto.

Além disso, é fundamental estar sempre disposto a mudar de estratégia quando necessário.  

Mantenha-se inspirado por exemplos de negócio que começaram com venda de bolos caseiros e que, hoje, são referência no mercado.

Seguindo todas essas estratégias, esse com certeza será o seu destino!

Gostou deste texto?

Acompanhe nossas dicas e atualizações através de nossas redes sociais!

Redes Sociais, COMO fazer bons negócios!

Ao longo do tempo, o processo de venda e compra passou por inúmeras transformações devido aos avanços tecnológicos.

Hoje estamos inseridos na cultura da velocidade e do imediatismo, na qual todas as vivências, como seres sociais, devem ser intensas e múltiplas.

Logo, necessitamos de uma experiência combinada navegar pelos e-commerces, analisar ofertas nos ambientes online e offline, acessar aplicativos e, principalmente, nos identificar com as marcas (e não apenas com os produtos).

RF4.0 MKT Redes Sociais, COMO fazer bons negócios! 5-redes-sociais-mais-usadas-no-Brasil-1024x538-1024x538

Assim, para vender mais, é preciso ir além: estar presente em todos os canais possíveis (e adequados), acompanhar de perto o comportamento do cliente e compreender os seus desejos.

É primordial interagir e se fazer acessível — e a maneira mais fácil de realizar isso é pelas redes sociais.  

De acordo com dados do Facebook, 80% dos perfis do Instagram seguem algum perfil de negócio, por exemplo. Globalmente, Facebook e Instagram possuem 90 milhões de perfis de negócios. “Muitos empreendedores que não possuem muitos recursos começam usando as nossas redes.

Atualmente ter um modelo de vendas, demanda não só preocupações com os produtos expostos na loja física, mas também no ambiente virtual.

Ter uma boa exposição nas redes sociais é fundamental, além do bom tratamento do cliente.

Para isso, existem várias ferramentas e estratégias que podem não somente oferecer o produto, mas sim estabelecer uma marca e uma identidade.

E uma grande quantidade de pessoas está de olho, o tempo inteiro, seja no computador ou na tela do celular, apenas esperando a oportunidade perfeita para comprar.

A tática para ser parte destes números envolve quatro pilares:

RF4.0 MKT Redes Sociais, COMO fazer bons negócios! como-gerenciar-redes-sociais-1024x474

Criatividade, comunidade, conexões e vendas.

Fazer posts interativos, se comunicar diretamente e conhecer o cliente através do Messenger ou do Direct são grandes ferramentas.

Além disso, é necessário ter o conhecimento do entorno.

De acordo com dados do Facebook, 85% dos brasileiros querem algum tipo de envolvimento das empresas com a comunidade.

Além de ter as vendas por Facebook, Instagram ou até Twitter, outro caminho (que também pode envolver as redes sociais) é o e-commerce próprio.

Excecutivo da VTEX, maior plataforma de e-commerce da América Latina, Alfredo Soares é fundador da Xtech Commerce, plataforma que em três anos transacionou mais de 570 milhões de reais em vendas e da startup Social rocket, que bateu em dois anos 150 mil usuários em sete países.

Soares destaca a positividade de estabelecer uma boa relação com o cliente no e-commerce.

“Você consegue através da rede social jogar teu público para ela e nutrir ele de uma maneira mais saudável junto com o e-commerce”, explica o empresário.

“É importante ressaltar que a rede social pode atrair novos clientes também, óbvio, mas ela tem muito mais a função de criar uma identidade, uma marca que vai humanizar o teu negócio”.

Continue acompanhando nossas dicas e insights em nossas redes sociais

https://www.linkedin.com/company/rf4-0-mkt-digital/ https://www.linkedin.com/company/rf4-0-mkt-digital/

Como atrair mais clientes pelas redes sociais

A busca deve ser com as pessoas se comportam nas redes sociais

Quando alguém está usando o Instagram ou Facebook normalmente é porque está em um momento de lazer.

Ou seja, o objetivo da pessoa é se relacionar e se entreter. Dessa forma as campanhas precisam ser estruturadas com base no comportamento dos usuários nas social medias.

Com tanta gente reunida a fim de interagir e se engajar, as redes sociais criaram ótimas oportunidades de negócios abrindo inclusive espaço para anúncios online.

Por isso investir em Facebook Ads vale a pena para anúncios que tenham como objetivo estreitar o relacionamento com clientes e prospects ou aumentar o poder da marca.

Anúncios com foco em vendas, em alguns casos, também trazem bons retornos.

Mas, é preciso ter em mente que ninguém entra no Facebook para comprar algo. Porém, se entre uma curtida e outra aparecer uma boa oportunidade de adquirir um produto ou serviço… por que não?  

Como Anunciar no Facebook e Instagram!

O Facebook continua liderando o número de usuários e o Instagram está ganhando cada dia mais seguidores e se tornando o novo queridinho de muitos brasileiros, principalmente os jovens.

Com tanta gente reunida a fim de interagir e se engajar, as redes sociais criaram ótimas oportunidades de negócios abrindo inclusive espaço para anúncios online no Facebook e Instagram.

Entenda tudo sobre isso nesse post.

Mas o que é Facebook Ads?

RF4.0 MKT Como Anunciar no Facebook e Instagram! rf40

É a ferramenta de anúncios online em plataformas de redes sociais que garante o maior retorno para seus investidores.

Isso porque tem o maior alcance de usuários e oferece recursos poderosos para segmentação do público-alvo.

O que possibilita que as pessoas que realmente têm interesse em seus produtos ou serviços visualizem no Facebook ou Instagram a sua publicidade online.

Por esse motivo as chances de conversão são muito maiores usando Facebook Ads.  

Funciona assim

Você cria anúncios de texto com imagem (foto ou vídeo) para atrair o usuário para a fanpage da sua marca ou então com um link externo para alguma página da sua empresa.

Como você pode segmentar bem o tipo de internauta que irá receber sua publicidade online, eles terão real interesse em realizar a ação do link patrocinado.

O que garante alto retorno para os anunciantes.

Custos no Facebook Ads

  • CPC (Custo por clique): o pagamento por clique é uma das opções oferecidas pela plataforma de Mark Zuckerberg.    
  • CPM (Custo por Mil Impressões): é o pagamento por views no Facebook. Você é cobrado cada vez que o anúncio é exibido para 1000 usuários. Vale lembrar que a cobrança é por visualização não por interação ou conversão.  

Por que usar Facebook Ads?

Segmentação poderosa

Quem explora ao máximo a capacidade de segmentação do Facebook Ads tem a certeza de que seus anúncios chegam para as pessoas certas no melhor momento.

Isso porque a plataforma permite definir as características do usuário que você quer que receba a publicidade online. É possível segmentar por:

  • Faixa-etária
  • Localização
  • Gênero
  • Profissão
  • Interesses
  • Comportamento

Vale lembrar que as próprias interações dos usuários no Facebook (curtir, compartilhar e comentar ) facilitam bastante identificar seus gostos e interesses.

Atualização da base de dados

Outra vantagem de investir em Facebook Ads é que com o recurso Audiências Customizadas é possível fazer upload da base de dados dos clientes ativos.  

Anúncios mais persuasivos

Outro fator que faz com que o Facebook Ads gere bastante retorno é a possibilidade de criar anúncios com maior poder de persuasão.

Isso porque, além de ser direcionado para as pessoas certas devido a alta segmentação, as publicidades online para Facebook ainda podem ser criadas usando vídeo e imagens atraentes.

Dessa forma os anúncios conseguem se integrar aos feeds de notícia de maneira quase orgânica.

Ou seja, o usuário os recebe naturalmente já que tem tudo a ver com seus interesses e as chances de conversão aumentam muito por conta disso.  

Principais diferenças entre Facebook Ads e Google Ads

Embora sejam ferramentas para criação de anúncios online, o Google Ads e o Facebook Ads possuem algumas diferenças.

As principais delas estão relacionadas à definição da exibição dos links patrocinados para as pessoas, à forma de segmentação e à interação dos usuários com a publicidade. Confira:

A busca deve ser com as pessoas se comportam nas redes sociais

Quando alguém está usando o Instagram ou Facebook normalmente é porque está em um momento de lazer.

Ou seja, o objetivo da pessoa é se relacionar e se entreter. Dessa forma as campanhas precisam ser estruturadas com base no comportamento dos usuários nas social medias.

Por isso investir em Facebook Ads vale a pena para anúncios que tenham como objetivo estreitar o relacionamento com clientes e prospects ou aumentar o poder da marca.

Anúncios com foco em vendas, em alguns casos, também trazem bons retornos.

Mas, é preciso ter em mente que ninguém entra no Facebook para comprar algo. Porém, se entre uma curtida e outra aparecer uma boa oportunidade de adquirir um produto ou serviço… por que não?  

Google Ads: busca por intenção do usuário

As palavras-chave utilizadas nos anúncios online são compradas com base na intenção do usuário nos mecanismos de busca.

Ou seja, investir em campanhas de links patrocinados no Google Ads vale a pena quando o objetivo é conversão.

Para ficar mais claro: quando uma pessoa pesquisa uma keyword no Google é porque  procura solução para algo.

Então se durante sua busca ela se deparar com um anúncio persuasivo, as chances de conversão são altíssimas.

RF4.0 MKT Como Anunciar no Facebook e Instagram! perfil-de-usuarios-nas-redes-sociais

Perfil base do usuário de Facebook no Brasil

Com 127 bilhões de usuários ativos só em nosso país, não há como ignorar a rede social de Mark Zuckerberg que ainda é a maior do mundo.

Desse total divulgado em abril de 2018, cerca de 20 milhões de pessoas já usavam o aplicativo via smartphone ou tablet.

Perfil base do usuário de Instagram no Brasil

Com cada vez mais pessoas utilizando a plataforma em nosso país, o Instagram é a 5ª maior rede social do mundo.

Ao todo reúne 813 milhões de internautas.

Como os brasileiros usam o Instagram

Segundo uma pesquisa divulgada pela Opinion Box, o Instagram (que também pertence a Mark Zuckerberg assim como o WhatsApp), está cada vez mais poderoso no Brasil.

Em terras Brasileiras, 25% dos usuários entrevistados afirmam que essa é sua social media mais acessada sendo que 28% das usuárias brasileiras preferem o Instagram ao Facebook ou outras redes sociais.

O Insta também é o queridinho de 35% dos jovens usuários brasileiros (entre 16 e 29 anos).  Confira outras estatísticas do estudo:

  • 89% dos entrevistados acessam o aplicativo pelo menos 1 vez por dia
  • 85% seguem marcas
  • 60% consomem o conteúdo das empresas que gostam na plataforma
  • 51% seguem celebridades e influenciadores digitais no Instagram
  • 50% já comprou algo ou contratou algum serviço que conheceu via Instagram
  • 73% já participou de promoções no aplicativo
  • 37% não aprova anúncios no Feed de notícias do Instagram
  • 37,5 % já fez reclamação pelo Instagram

Tipos de campanha

Criar anúncio de acordo com a etapa da jornada de compra do cliente é fundamental para o sucesso de qualquer campanha.

E isso fica mais simples para os anunciantes do Facebook Ads já que a ferramenta oferece diferentes tipos de publicidade online que podem ser utilizadas em qualquer etapa do funil de marketing.   

Mas, antes de criar links patrocinados no Facebook Ads, é importante saber muito bem qual objetivo você pretende atingir com sua campanha para redes sociais.

Isso porque publicidades criadas para conversão, por exemplo, contam com estratégias muito diferentes das voltadas para fortalecimento da marca.  

Campanha com foco em reconhecimento

Anúncios maiores funcionam melhor quando seu objetivo é que as pessoas reconheçam sua marca. Isso porque quanto mais tempo vendo o anúncio, a chance dos usuários lembrarem o que foi visto aumenta consideravelmente.

Mas, para que o internauta veja a publicidade até o fim, é importante que o conteúdo seja realmente relevante e interessante para ele.

Como o Facebook Ads permite segmentação por interesses, essa parte fica mais fácil.   

Campanha com foco em consideração

O relacionamento com usuários pensando em conversões futuras é o principal em campanhas nessa etapa do funil de marketing.

Por esse motivo os anúncios no Facebook Ads precisam ser pensados para gerar mais leads qualificados, aumentar o tráfego, gerar envolvimento inclusive com a visualização de vídeos.

Campanhas com foco em conversão

A venda costuma ser o principal objetivo nesse tipo de campanha de publicidade online para redes sociais.

Portanto os melhores formatos de anúncio no Facebook Ads são os que atraem para conversão, venda de catálogo de produtos e os que atraem as pessoas para visitar o estabelecimento (em caso de campanhas locais).

Possibilidades de Segmentação

Conhecer bem as pessoas para as quais você deseja criar anúncios no Facebook é o primeiro passo para realizar uma segmentação de público-alvo correta na ferramenta e atingir seus objetivos de marketing.

Isso porque quanto mais específico for o target selecionado em seu anúncio, maior a chance de conversão e de aumento do ROI.

O Facebook Ads oferece uma grande variedade de opções de segmentação do seu público-alvo.

O que beneficia bastante a otimização de seus investimentos (a própria ferramenta exibe uma estimativa de quantas pessoas serão atingidas por seu anúncio ou quantos cliques deve conseguir).

Para cada target, uma campanha

Se sua empresa tem diferentes tipos de público-alvo, é melhor realizar campanhas diferenciadas para cada um deles.

A segmentação por comportamento é indispensável para criar anúncios que irão cumprir seus objetivos (venda, branding, etc.), mas é possível definir muitos outros critérios que inclui até religião, grupo étnico, entre outros já citados nesse texto.

Para facilitar a correta segmentação dos targets, a dica é  utilizar a ferramenta Facebook Audience Insights.

Com ela, você consegue ter acesso a dados relevantes do público-alvo desejado para planejar campanhas assertivas com base neles.  

Pixel de Conversão e a sua importância

O gerenciador de anúncios do Facebook Ads permite inserir um invisível código javascript (conhecido como Pixel de Conversão) na página de agradecimento (que o internauta visualiza após concluir a compra).

Ele serve para monitorar a quantidade de vendas realizadas por meio da campanha na ferramenta de publicidade online do Facebook.    

Portanto esse pixel é indispensável para monitorar as conversões que você está obtendo com seus anúncios do Facebook Ads.

Além disso, também é muito útil para planejamento de campanhas de links patrocinados porque ajuda a revelar o comportamento do seu público-alvo. Para anunciantes, o Pixel de Conversão é importante principalmente para:

  • Rastreamento do número de conversões na landing page que seu anúncio está linkando
  • Rastreamento de cliques e impressões em campanhas de publicidade online
  • Identificar número de visitantes na loja virtual ou site desejado
  • Quantidade de compras de um serviço ou produto devido a sua campanha de link patrocinado
  • Preenchimento de formulários online
  • Número de downloads
  • Campanhas de remarketing, etc.

Facebook Power Editor

É a ferramenta que permite a configuração de vários anúncios nas redes sociais de Mark Zuckerberg (Facebook e Instagram). Pensada para grandes anunciantes, o Power Editor foi criado para ajudar a potencializar resultados otimizando tempo.

Por isso é mais recomendado para quem precisa gerenciar muitas campanhas ao mesmo tempo (inclusive com targets diferentes.)     

Para acessar o Facebook Power Editor, é necessário baixá-lo e usá-lo apenas no Google Chrome (único navegador compatível). Com a ferramenta, é possível realizar variadas ações como:

  • Criar nova campanha ou anúncio
  • Dividir uma mesma campanha em dois targets diferentes
  • Segmentar e salvar audiência
  • Usar tags por categoria de anúncio
  • Comparar dados de diferentes campanhas  
  • Criar postagens para diferentes Fanpages
  • Acompanhar métricas como taxas de conversão
  • Acessar o resumo de quanto você já investiu no Google Ads
  • Gerar relatórios de performance das campanhas e comparativos personalizados
  • Programar horário de exibição de links patrocinados
  • Determinar lances e o valor máximo que gastará na campanha
RF4.0 MKT Como Anunciar no Facebook e Instagram! metricas

Métricas relevantes

O Facebook Ads disponibiliza em sua plataforma uma grande quantidade de dados para mensurar o retorno do seu investimento em anúncios online.

Mas, na prática, nem todas as métricas são importantes para seus objetivos.

Portanto para otimizar a análise do desempenho de suas campanhas, a dica é conferir apenas as mais relevantes que são:

Para análise de ROI

  • Checkout: quantidade de internautas que viraram clientes por causa de seus anúncios no Facebook Ads (para obter essa métrica, é necessário usar Pixel de Conversão na página de agradecimento que é enviada após cada compra)
  • Custo por checkout: revela quanto você pagou em anúncio para conseguir cada venda
  • Gastos: revela o custo que você teve para anunciar ao longo do tempo
  • Leads: métrica que revela a quantidade de conversões em suas landing pages realizadas por pessoas que chegaram nelas por meio de anúncios do Facebook Ads
  • Custo por Leads: cálculo do gasto que você teve em cada conversão feita via anúncios da ferramenta
  • CPM: custo por mil impressões
  • CPC: custo por clique

Para análise de performance

  • Impressões: quantidade de vezes que seu anúncio foi exibido nas redes sociais
  • Frequência: quantas vezes sua publicidade foi visualizado por um usuário específico
  • CTR: o percentual de usuários que visualizou e clicou no link patrocinado (a sigla significa Click-through Rate)
  • Click no link: total de pessoas que viram e clicaram nos links das suas publicidades online

Conclusão

O Facebook Ads é uma excelente ferramenta de anúncios online em redes sociais.

Seu poder de segmentação permite que os links patrocinados sejam mais persuasivos. O que a torna uma plataforma que potencializa o ROI.

Porém, para obter bons resultados com o Facebook Ads é necessário muito planejamento com base em dados sobre seu público-alvo (inclusive gostos, comportamento, etc).

Isso porque campanhas mal planejadas no Facebook Ads trazem prejuízos para o seu negócio.

Quando o objetivo do anúncio é fortalecer a marca ou criar relacionamento com usuários investir em Facebook Ads vale a pena.

Referência : https://marketagem.com.br

Victor

Formado em Publicidade e com MBA em Gestão de Projeto. Possui sólida experiência em Marketing Digital e é especialista em SEO. Além disso é co-fundador da Search Lab e fundador do Marketagem.

RF4.0 MKT – Agência de Marketing Digital e criação de sites em São Paulo

RF4.0 MKT – Agência de Marketing Digital e criação de sites em Guarulhos

RF4.0 MKT – Agência de Marketing Digital e criação de sites na Zona Norte

RF4.0 MKT – Agência de Marketing Digital e criação de sites Litoral – SP