fbpx

Quantas vezes você acessa seu e-mail, pessoal ou comercial, por dia?

Responda para si mesmo e veja a prova de que o e-mail marketing não morreu.

O que morreu foram as velhas formas de enviar um e-mail marketing.

Quem afirma que o e-mail marketing morreu desconhece as técnicas que essa ferramenta necessita para gerar os resultados esperados.

Apesar de ser uma das formas de comunicação online mais antigas, o e-mail ainda é totalmente atual.

Os números não mentem:

– Há 2 vezes mais contas de emails que de perfis nas redes sociais e, fora spam, são gerados 55 vezes mais e-mails que posts nas mídias sociais.

– 17% das empresas que utilizam email marketing nas campanhas de marketing direto, tem 10 a 15% da receita total obtida através dessa ferramenta.

– 56,8% do tráfego de e-commerces provem de email marketing

– 4,6% é a taxa de conversão do email marketing num e-commerce (contra 2,64% de buscadores e 0,48% de redes sociais) *

Se você pretende começar ou mudar sua estratégia de emial marketing, atente-se a estes pontos.

RF4.0 MKT O E-MAIL MARKETING MORREU? estrategia-email-marketing-1024x512

Mailing: Não compre listas ou envie e-mails sem autorização.

Forme sua própria base opt-in.

Crie campanhas de cadastramento, incentive os seus potenciais consumidores ou clientes a se cadastrarem para receberem as notícias e novidades ou material de sua empresa.

Segmentação: Segmente sua base de e-mails para uma comunicação mais assertiva.

O e-mail será mais eficiente se o conteúdo for personalizado para cada tipo de público.

O envio de e-mails sem segmentação incentiva o descadastramento da sua lista.

Conteúdo: Ofereça conteúdo relevante para sua base.

Seja informações, materiais ou ofertas, evite e-mails longos, seja direto, claro e objetivo.

Não se esqueça de um título atrativo e de preferência, personalize o e-mail com o nome do remetente.

Nunca envie apenas imagens, e se usar algum layout pronto, não abuse de cores e efeitos.

Frequência: Não existe uma frequência ideal para envio, isso vai depender do seu negócio. 69% das pessoas que se descadastram de listas, citam a frequência como o principal motivo.

Não seja esquecido, nem seja chato.

Software: Existem diversas ferramentas para envio de e-mail marketing disponíveis, pagas e gratuitas.

Pesquise a melhor opção para sua empresa, levando em consideração a reputação e os recursos oferecidos.

O Mailchimp é, sem dúvidas, umas das melhores ferramentas do mercado, e possui tanto a versão free quanto paga.

Mensuração: Acompanhe as métricas e use essas informações para conhecer melhor seu ciente.

Faça testes! Título, layout, até mesmo a cor do botão CTA pode influenciar a conversão e você só terá esses indicadores testando e comparando os retornos obtidos.

Existem diversos outros fatores que influenciam a eficiência de uma campanha de e-mail marketing, e estes são apenas alguns pontos básicos e primordiais.

Se o e-mail marketing continuará sendo efetivo nos próximos anos, diante da volatilidade das ferramentas digitais, só o tempo nos dirá.

Fontes: UOL Host e ABEMD (Associação Brasileira de Marketing Direto)

RF4.0 MKT – Agência de Marketing Digital e criação de sites em São Paulo

RF4.0 MKT – Agência de Marketing Digital e criação de sites em Guarulhos

RF4.0 MKT – Agência de Marketing Digital e criação de sites na Zona Norte

RF4.0 MKT – Agência de Marketing Digital e criação de sites Litoral – SP